0

Articulação nos bastidores para a presidência da Câmara de Nobres já começou


Mas como a eleição da Mesa Diretora em Nobres, é algo improvável e muita coisa pode acontecer até minutos antes da mesma acontecer.

EDITORIAL Publicada: 04/12/2017 06:33:17 Autor: Marcos Lopes
Foto: Marcos Lopes
Vereadores Nem, Zayra e Adelian: Eles devem decidir a eleição para a Mesa Dretora.

Mesmo faltando ainda um bom tempo para uma eleição da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Nobres, os vereadores  já começaram a se articularem pensando na visibilidade política que o cargo de presidente do Poder Legislativo proporciona , isso sem falar nas benesses e as vantagens que o mesmo traz, entre as quais uma verba indenizatória maior. Mais poder de voz perante o Poder Executivo.

De acordo com informações obtidas através de fontes, mesmo negando publicamente, mas já manifestaram interesse e estão se articulando de forma discreta suas candidaturas a Mesa Diretora da Casa de Leis, os vereadores Nilson “Filho” Dias Pedrozo (PSD), Joarides Lojor Ribeiro, conhecido popularmente como Professor Magal (PR) e o Gidalti Ferreira de Jesus, o Gida (PP), líder do prefeito na Câmara Municipal.

Estas três candidaturas provavelmente, ao se aproximar a data da nova eleição, que deverá ocorrer em janeiro de 2019, se afunilará em duas. O vereador Nilson Filho, que em 2018 defenderá a candidatura do deputado Wagner Ramos (PR), deverá ter como seus apoiadores os vereadores Nilsinho Campos (DEM), Professor Oscar Lara (Livres- antigo PSL) e Zilmai Ferreira de Jesus (DEM). Contabilizando assim possíveis quatro votos.

O líder do prefeito na Casa de Leis, vereador Gida, que é afilhado político do deputado federal Ezequiel Fonseca (PP), e caso ele decida ser candidato a presidente da Mesa Diretora, deverá ter o apoio dos vereadores André Avelino Bezerra (PSDB), Ronivaldo Veloso, o Nem da Coqueiral (PSD), Joarides Lojor Ribeiro “Magal” (PR), Rogério Frazão Sampaio (PSB),  Adelian Messias (PSD) e Zayra Valandro (PSDB), presidente e vice, das respectivamente da Mesa Diretora. Gida contabilizaria assim, sete votos a seu favor.

Correndo por fora, como uma terceira via, está o vereador Professor Magal, mas caso, confirme sua candidatura, ele deverá ir para disputa da Mesa Diretora com o vereador Nilson Filho e nesse caso, ele teria o apoio dos vereadores Nem da Coqueiral, André Avelino, Rogério Frazão e Gida, que faria parte da Mesa Diretora, como um provável vice-presidente.  E nesse caso, ele contabilizaria  cinco votos  e a vereadora Zayra Valandro migraria o seu voto para o vereador e locutor Nilson Filho, empatando em 5 votos a 5, em uma provável e suposta disputa entre Magal e NF, ficando o voto de minerva sob a responsabilidade do atual presidente do Poder Legislativo, vereador Adelian Messias.

Magal é primo do deputado federal Valtenir Pereira (PSB) e deverá apoiar a deputada estadual Janaína Riva (PMDB) em sua candidatura a reeleição.

Para familiares e amigos próximos, o Professor Magal tem dito que ele se sente preparado para disputar uma eventual eleição para o comando da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Nobres. Ele é formado em contabilidade, trabalhou 4 anos no Banco Itaú, é Pedagogo e  foi diretor por três mandatos consecutivos da Escola Municipal Dalcy Cândida de Souza no Jardim Petrópolis.

O vereador Gida, é pequeno agricultor , mas desfruta de influência em alguns órgãos estaduais e federais devido a sua amizade com o deputado Ezequiel Fonseca.  

O vereador Nilson Filho tem usado o rádio como sua plataforma de apoio e tem procurado estar visitando “in loco” os bairros da cidade para ouvir das demandas da comunidade e ele tem procurado se aproximar cada vez mais dos colegas, deixando de lados as diferenças político-partidárias de lado.

Mas esse cenário pode ser mudado radicalmente, caso  o atual presidente , vereador Adelian Messias decida ir para a reeleição e aí nesse caso a disputa  será novamente com o vereador Nilson Filho e o voto de minerva ficará sob a responsabilidade do atual líder do prefeito na Câmara, vereador Gida  ou do vereador Nem da Coqueiral que poderá seguir fielmente ao social democrata, uma vez que atualmente  ele é 2º vice-presidente da Mesa Diretora.

Mas como a eleição da Mesa Diretora em Nobres, é algo improvável e muita coisa pode acontecer até minutos antes da mesma acontecer. Só podemos dizer que as peças estão sendo colocadas no tabuleiro de xadrez e quem será o Rei e quem serão os “peões”, isso só tempo irá dizer. Vamos aguardar janeiro de 2019. Até lá, um abraço e hasta la vista baby.

                                                                                                                                         

Comentários

Comente está notícia:

Entrar na Rede SBC Brasil